• novcaminhos

Como lidar com a dislexia?


Distúrbio ligado à dificuldade de aprendizado e desenvolvimento da fala e da escrita, a dislexia acomete até 17% de toda a população mundial. Mas é possível conviver com a condição com a devida orientação profissional e apoio da escola.

O que é a dislexia?

A dislexia é um transtorno de aprendizagem cuja origem é neurobiológica, causado por uma alteração cromossômica hereditária. Por isso é comum a ocorrência em pessoas da mesma família.

A principal característica é a dificuldade em organizar as letras, o que dificulta a leitura e compreensão das palavras, assim como a memória fonêmica. Explicando de forma leiga, é como se as letras ficassem embaralhadas.

Como identificar?

Na pré-escola, a criança apresenta dispersão e fraco desenvolvimento da atenção, com atraso na fala e na linguagem. Também é mais difícil aprender rimas e canções.

Já durante a idade escolar, a dislexia é caracterizada principalmente pela dificuldade na aquisição e automação da leitura e da escrita. O aluno pode não conseguir até copiar informações de livros e da lousa. A habilidade motora fina, como desenhar ou pintar, também é afetada.

O professor pode identificar também confusão para nomear esquerda e direita, decorar a tabuada, compreender fórmulas de matemática, assim como utilizar mapas e dicionários.

Importante!

O distúrbio não tem relação com a inteligência, podendo se apresentar em pessoas com QI considerado alto, inclusive. Não é incomum que a dislexia - em seu grau leve - seja identificada somente na adolescência ou até na vida adulta.

Como é o tratamento?

A dislexia deve ser acompanhada por uma equipe multidisciplinar, como pedagogos, fonoaudiólogos e psicólogos, com o objetivo de auxiliar as crianças e os adolescentes a lidar da melhor maneira possível com as dificuldades e evitar a criação de rótulos depreciativos.

Por isso, é importante que o aluno com dislexia encontre amparo, respeito e incentivo na escola. Com um senso de criatividade latente, o aluno pode encontrar mais estímulo em atividades com pintura, desenho e colagens.

Também é interessante fazer uso de outras expressões artísticas durante as aulas, com instrumentos musicais ou canções que podem auxiliar na fixação do aprendizado de maneira lúdica. Além disso, gincanas e atividades físicas podem incentivar o desenvolvimento das habilidades motoras

#dislexia #comolidar #aprendizado

  • Branca Ícone Instagram

Contato

Telefone:

(13) 3251.5174

E-mail:

caminhos@escolanovoscaminhos.com.br

Localização:

Av. Senador Pinheiro Machado, 495 - Santos/SP.